DDPA relata inquérito de desaparecimento de professora e aponta crime de feminicídio

A Secretaria de Estado de Polícia Civil, por meio da Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA), relatou o inquérito que investigava o desaparecimento de Tamires Cristina Costa Bandeira, de 27 anos. A investigação apontou que a professora foi vítima de feminicídio e teria sido morta pelo próprio marido. O pai dele também foi relatado como responsável pelo sumiço do corpo.

De acordo com a DPPA, o crime ocorreu em 23 de junho do ano passado, e o corpo teria permanecido na residência do casal durante três dias, até ser retirado pelo pai do suspeito.

O marido de Tamires foi indiciado pelo crime de feminicídio e pai dele por ocultação de cadáver. Os pedidos de prisão foram encaminhados à justiça.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*