Deputado racista do PSL diz que não se arrepende de destruir charge sobre genocídio da população negra

deputado federal Coronel Tadeu (PSL-SP) disse em entrevista que não se arrepende de ter quebrado quadro que trazia dados sobre genocídio negro, nesta terça (19), e disse que faria novamente caso a peça volte a ser exposta. Parlamentares da oposição prometeram representar contra Tadeu no Conselho de Ética e pretendem acionar a PGR pro crime de racismo.

Arrependido? Eu acabei de defender 600 mil policiais militares que estavam sendo acusados, por meio de uma imagem, de executores, assassinos, homicidas. Não tô arrependido não. […] Eu espero que eles não coloquem novamente esse cartaz lá. Senão eu vou ter que tirar. Isso é um atentado”, declarou em conversa com a jornalista Bela Megale, do O Globo.

Leia a íntegra na Fórum 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*