Maia e Freixo se posicionam contra a transferência de Lula

Marcelo Freixo será o candidato a prefeito da união da esquerda no Rio de Janeiro

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), criticou hoje a decisão de transferir o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) de Curitiba para o presídio de Tremembé, no interior de São Paulo. As declarações de Maia aconteceram após protesto da bancada do PT, em meio às votações dos destaques da reforma da Previdência.

“De fato não é uma decisão simples. É uma decisão extemporânea. Então, aquilo que a Presidência da Câmara puder acompanhar junto com a bancada do PT, nós estamos à disposição para que o direito do ex-presidente seja garantido”, disse Maia durante a sessão.

No canal do Marcelo Freixo, o deputado federal do PSOL também se manifestou contra a transferência:

Justiça não pode ser confundida com vingança e as decisões não podem depender de quem é o réu. A transferência de Lula é grave e arbitrária. Estamos falando da defesa da democracia e do Estado de Direito.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*